Design

Como as cores podem ajudar o seu negócio

Escolher as cores da embalagem de um produto ou para pintar as paredes de sua loja podem parecer decisões simples e determinadas apenas pelo gosto pessoal do proprietário. Mas a verdade é que essas são os tipos de escolhas que afetam muito a maneira como sua empresa será vista e sentida pelo público. As cores transmitem sensações e esse é um conhecimento muito utilizado em estratégia de design gráfico. Selecionar as cores que têm a ver com a mensagem que você quer passar pode te ajudar a potencializar resultados e facilitar a criação de laços e emoções positivas.


Antes de ver os significados que podem ser atribuídos às cores, é importante saber que eles não são fixos e imutáveis, portanto, é necessário analisar alguns fatores antes de tomar esse tipo de decisão. Você deve conhecer seu público-alvo e saber em que tipo de contexto cultural ele está inserido, pois o branco é considerado a cor do luto em alguns países, por exemplo. Além disso, um estudo realizado pelo psicólogo J. Bamz mostrou que a idade é um fator que influencia na preferência de cores. Veja abaixo algumas das sensações, sentimentos e ideias que podem ser associados às cores e como elas têm sido utilizadas na construção da identidade das marcas:


Vermelho: raiva, paixão, fúria, desejo, excitação, energia, velocidade, poder, calor, amor. Bastante utilizada em estabelecimentos como restaurantes e lanchonetes. Tem a ver com urgência e é excelente para chamar a atenção;


Rosa: amor, felicidade, romantismo, charme, brincadeira, leveza, delicadeza, feminilidade. Utilizada em produtos para mulheres ou meninas, doces e brinquedos. Indica jovialidade e inovação quando usada em tons mais escuros;


Amarelo: sabedoria, alegria, felicidade, otimismo, claridade, verão. Assim como o vermelho, é uma cor bastante usada quando a empresa atua no ramo de alimentação, mas também pode ser usada quando os conceitos a serem passados têm a ver com energia e alimentação, além de ser utilizada para destacar informações importantes;


Laranja: humor, energia, calor, entusiasmo, vibração, extravagância. Usada para passar a ideia de ousadia, juventude e entusiasmo. É menos agressiva que o vermelho e promove uma sensação de estímulo; 


Verde: cura, calma, perseverança, natureza, saudável, boa sorte, renovação, juventude. Remete aos produtos naturais e saudáveis ou que provocam frescor como uma colônia ou um chiclete de hortelã, muito usada em artigos de beleza e higiene;


Azul: fé, lealdade, paz, tranquilidade, estabilidade, harmonia, confiança. Assim como o verde, também é associada a higiene e frescor. Muito utilizada no mundo corporativo em tons mais escuros e sóbrios;


Roxo/Violeta: erotismo, realeza, espiritualidade, mistério, transformação, sabedoria. Usada para remeter ao mistério e à questões abstratas como a espiritualidade, boa para produtos de beleza, pois tem a ver com bem-estar e autocuidado;


Marrom: materialismo, terra, casa, ar livre, confiabilidade, conforto, resistência, estabilidade, simplicidade. Como lembra a cor da terra, é frequentemente associada aos produtos orgânicos ou rústicos. Já devido a ideia de elegância, também é utilizada para destacar lojas de produtos exclusivos e sofisticados;


Preto: não, poder, sexualidade, sofisticação, formalidade, elegância, riqueza, mistério. Por ser neutra, pode ser combinada a diversas outras cores para passar ideias diferentes. É frequentemente utilizada em produtos do mercado de luxo;


Branco: sim, proteção, amor, simplicidade, limpeza, paz, inocência. Traz sentimentos de luminosidade, pureza e frescor. Pode facilmente ser combinada com outras cores;


Cinza: neutralidade, solidez, formalidade, modernidade, responsabilidade, profissionalismo. Muito usada em empresas de tecnologia e no mundo corporativo.


Salve nossa tabela com as propriedades das cores